Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mais Beja

Mais Beja

25
Jun15

Baixo Alentejo sem candidatos locais nas legislativas de 2015?

Assembleia vazia.jpeg

Alguém consegue explicar porque se elege um/a candidato/a a deputado/a por um determinado distrito, sem essa mesma pessoa ter nascido ou conhecer a região?

A escolha de Ana Matos Pires (nasceu em Santo Tirso e vive em Lisboa), como candidata pelo partido Livre ao Baixo Alentejo, não traz nada de inovador ou de entusiasmante à nossa região e à política. Conhecer os problemas psiquiátricos dos utentes não faz com que conheça a região de ponta-a-ponta e todos os seus problemas, cultura, tradições, economia, etc. Em suma, a identidade da nossa região, o Baixo Alentejo.

Até agora, os “novos” partidos de novo só têm o nome. A provar está o facto de o Partido Socialista querer fazer o mesmo, com a possível escolha para candidato, o atual deputado João Galamba (nasceu em Santarém e vive em Lisboa). A ser verdade, esta é uma prova inequívoca do desrespeito pela região e pelos alentejanos, que nem em eleições livres elegem os seus, sendo o poder e a democracia totalmente consumidos pelas “máquinas” partidárias, perdendo a nossa região qualquer voz no principal órgão de representação do povo.