Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mais Beja

Mais Beja

15
Dez16

Injustiça fiscal e humana

Migalhas.jpg

Se jogar no Euromilhões, Placard, Lotaria, entre outros jogos, e ganhar, o Estado cobra um imposto de 20% sobre o valor bruto ganho.

Acordar cedo, trabalhar no limiar da exploração e exaustão física, receber uma remuneração baixa, não ter proteção social ou direito ao subsídio de desemprego ou reforma, não ter contrato de trabalho, como é o caso dos Recibos Verdes, o Estado cobra um imposto, no mínimo, de 25%.

Ou seja, a sorte e o azar, produzir nada, ou não contribuir para o progresso do país e da sociedade, é mais favorável.

 

Enquanto isto se sucede, Lisboa, cresce e desenvolve-se, como se o resto do País não existisse: “Expansão do metro em Lisboa vai custar 215 milhões”. Portanto, quando disserem que não há dinheiro para investir no único Hospital público do Baixo Alentejo (Hospital José Joaquim Fernandes, Beja), ou eletrificar a linha de comboio entre Beja-Casa Branca/Lisboa, pois digam, que é delírio dos políticos e elites lisboetas!