Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mais Beja

Mais Beja

17
Mar17

Monumento em honra ao rei-poeta Al-Mutamid

O momumento situa-se no Parque da Cidade.REI-POETA AL-MUTAMID 1.JPG

REI-POETA AL-MUTAMID 2.JPG

FOTOS: MAIS BEJA

 

E quem foi este rei e poeta?

Al-Mutamid ou Al-Mu’Tamid, nasceu em Beja em 1040, sendo o único rei que nasceu na cidade, tornando-se igualmente um dos maiores poetas do seu tempo. A poesia e a cultura floresciam nas cortes árabes, mas após a queda de Córdova, o Sul de Espanha fragmentara-se em inúmeras taifas que se digladiavam entre si com o objetivo de obterem mais poder e prestígio. Herdeiro de uma das mais poderosas dinastias então reinantes que governava Sevilha, Al-Mutamid era um homem de índole benévola, amante de tertúlias. Após a morte do seu pai, em 1063, tornou-se rei da taifa de Sevilha e o seu reinado estendia-se, além do Algarve e de grande parte do Alentejo, a cidades como Ronda, Huelva, Carmona, Algeciras, Jaén, Córdova, Sevilha e Múrcia. Al-Mutamid, último soberano da dinastia Abádida e do reino Taifa de Sevilha, foi derrotado em 1091, pelos almorávidas, berberes do Norte de Marrocos que aproveitaram a fraqueza dos reinos Taifas para os dominar, e enviado para o exílio, em Aghmat, onde acabou por morrer em 1095 no cativeiro.