Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mais Beja

Mais Beja

19
Dez17

Porque o Governo diz que é preciso ajudar o interior, quando é o próprio a não investir?

Pobreza.png

 

Os políticos baseiam o seu trabalho numa boa argumentação, cativante e enérgica, discursando para e sobre o cidadão comum, que sofre, quer trabalhar e ganhar dinheiro mas não arranja emprego, passa por dificuldades, individuais ou coletivas, e precisa do apoio do Estado. Fazem-no, usando todo o tipo de mentiras, falácias, promessas ou escolhidos de forma desonesta. Não o fazem com sentido de justiça, equidade, prosperidade e valores éticos. Se assim fosse, Beja já teria acessibilidades rodoviárias de qualidade, linha de comboio eletrificada e o único hospital do Baixo Alentejo (Hospital José Joaquim Fernandes), não estaria no estado em que está: sobrelotado, sem recursos humanos e de meios complementares de diagnóstico obsoletos e vários dias avariados, e recebido o investimento imprescindível para todos os que cá vivem!
A política perdeu a integridade e honestidade, e o ideal de construção de uma sociedade coesa, próspera e bem-estar comum. Isso, só existe a cada 4 anos, quando cada partido vem pedir o nosso voto, para continuarem a perpetuar os seus interesses, locais e partidários.
A política tornou-se um palco de mentiras, jogos de bastidores, em que o único objetivo é cada político e o seu partido ganharem, sem olharem a nada, usando para tal todos os esquemas que destroem qualquer sociedade: mentira, hipocrisia e corrupção.

 

Nas últimas três décadas, tivemos uma elite política que sempre foi pior do que o resto do país.