Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mais Beja

Mais Beja

24
Jun14

Beja sem espaços para desporto casual

A nossa cidade, capital de distrito, não tem espaços públicos – leia-se, de livre acesso e grátis – para realização de vários desportos. A solução da população para a prática de futebol, ténis ou basquete era os campos existentes nas escolas. Mas depois da requalificação das escolas, e com a justificação “para não estragar”, fecham-se os portões das escolas, o que faz com que os jovens tenham de pular o muro, nos campos de ténis removem-se as redes e nos campos de futsal retiram-se as balizas.

O que sobra? Dois campos de futebol pequenos, um no jardim público e outro na rua de Angola. Nos campos de ténis existentes na cidade, é necessário pagar 5€. De basquete, não há. E de futebol, é necessário pagar as Associações e clubes, por utilizar campos de futebol pagos pela câmara de Beja, ou seja, por toda a população com os seus impostos.

A área do antigo estádio Flávio dos Santos daria um belo local para criar várias áreas, de livre acesso, para a prática de desporto e manter-se-ia assim o seu desígnio.

No ano de 2010, Pulido Valente (PS), fez referência de obra semelhante no BOLETIM MUNICIPAL, mas nada aconteceu.

1 comentário

Comentar post