Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mais Beja

O blogue Mais Beja tem como objetivo principal ser local de opinião, informação e divulgação de Beja e do Baixo Alentejo.

Mais Beja

05
Abr18

Portugal, um país de assaltantes

Mais Beja

desigualdades-sociais.jpg-w=500

 

Se o Estado, rouba e confisca todos os cidadãos - os honestos e cumpridores - através de elevadas cargas fiscais, no IRS, IVA, Imposto Sobre o Produtos Petrolíferos, Contribuição para o Audiovisual (RTP), IRC, etc, porque os privados não poderão fazer?!

O preço da gasolina, gasóleo ou gás é dos maiores assaltos realizados diariamente ao povo, seja através dos aumentos abusivos por parte das empresas petrolíferas, seja pela brutal carga fiscal, que representa mais de 50% do valor pago, cada vez que se coloca combustível ou se cozinha. Ou seja, quando cada cidadão vai meter combustível no seu veículo para ir trabalhar, não está a meter combustível, está a meter imposto!

A esquerda, só pensa em aumentar os rendimentos das famílias, mas esquece-se que ao aumentar os impostos em produtos imprescindíveis, o aumento salarial é nulo ou negativo. A prova mais clara, é o aumento recorde da arrecadação de impostos por parte do Estado nos primeiros meses desde ano.

 

Antes (2008):

Barril de petróleo - 130$

Euro/dólar - Desvalorizado (desfavorável à compra de produtos em dólares)

Gasolina (litro) - 1,50€

 

Agora (2018):

Barril de petróleo - 68$

Euro/dólar - Valorizado

Gasolina (litro) - 1,50€

 

Alguém tem uma justificação lógica ou simplesmente estamos a ser assaltados todos os dias?

 

1 comentário

Comentar post